quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

Feliz 2016!!!

"Meu servo Moisés está morto. Agora, pois, você e todo este povo, preparem-se para atravessar o rio Jordão e entrar na terra que eu estou para dar aos israelitas". Josué 1:2
É momento de refletirmos sobre o ano que se finda e nos preparamos para o novo ano que se aproxima, pela graça de Deus.

Diante de 2016, eu me sinto como um hebreu que viveu os últimos dias da sua vida no deserto e agora está prestes a entrar em Canaã.

Nos anos que viveram peregrinando pelo deserto, os israelitas enfrentaram algumas desilusões, frustrações e derrotas. Porém, a boa mão do Senhor sempre esteve com eles para corrigi-los quando perdiam o rumo, para disciplina-los quando pecavam e para fortalecê-los quando estavam desanimados. E ao final desse período, o Senhor Deus Todo-Poderoso os fez entrar em Canaã!
"Quando, pois, o povo desmontou o acampamento para atravessar o Jordão, os sacerdotes que carregavam a arca da aliança foram adiante. ( O Jordão transborda em ambas as margens na época da colheita. ) Assim que os sacerdotes que carregavam a arca da aliança chegaram ao Jordão e seus pés tocaram as águas, a correnteza que descia parou de correr e formou uma muralha a grande distância, perto de uma cidade chamada Adã, nas proximidades de Zaretã; e as águas que desciam para o mar da Arabá, o mar Salgado, escoaram totalmente. E assim o povo atravessou o rio em frente de Jericó.Os sacerdotes que carregavam a arca da aliança do Senhor ficaram parados em terra seca no meio do Jordão, enquanto todo o Israel passava, até que toda a nação o atravessou também em terra seca". Josué 3:14-17
Nesse contexto, vejo 2015 como o nosso deserto. Certamente, durante esse ano tivemos algumas desilusões, frustrações e até mesmo algumas derrotas. Por certo, o Senhor Deus também nos corrigiu e disciplinou nos últimos meses. Mas, não podemos esquecer de quantas vitórias Deus nos concedeu! Lembremo-nos de como o Senhor nos amparou e fortaleceu nos momentos de dor e angústia! Com certeza, o ano não foi de todo mau, por pior que as coisas possam estar agora.

E vejo 2016 como a nossa Canaã, o lugar onde a bênção e o cumprimento das promessas divinas nos esperam!

Tenham fé, o Deus Único e Eterno não se esqueceu de nós, Seus servos que foram lavados e remidos pelo sangue santo e precioso do Senhor e Salvador Jesus Cristo! 

O que Ele disse que faria por você, sem sombra de dúvidas, Ele fará! Por isso: "Santifiquem-se, pois amanhã o Senhor fará maravilhas entre vocês". (Josué 3:5).


Feliz 2016!!!

Que a paz de Jesus Cristo reine em seu coração! 

No amor de Cristo,

Nill.


quarta-feira, 23 de dezembro de 2015

Feliz Natal!


Um Feliz Natal a todos!

Quero compartilhar com vocês um texto que escrevi anos atrás sobre o Natal, na esperança que Deus os abençoe por meio dessa leitura.

Havia pastores que estavam nos campos próximos e durante a noite tomavam conta dos seus rebanhos.E aconteceu que um anjo do Senhor apareceu-lhes e a glória do Senhor resplandeceu ao redor deles; e ficaram aterrorizados.Mas o anjo lhes disse: "Não tenham medo. Estou lhes trazendo boas novas de grande alegria, que são para todo o povo:Hoje, na cidade de Davi, lhes nasceu o Salvador que é Cristo, o Senhor.Lucas 2:8-11

Tradicionalmente no mês de dezembro comemora-se o Natal. Mas o que comemoramos?

Os meios de comunicação de massa trazem inúmeros programas sobre o tema falando sobre o espírito natalino, sobre a fraternidade, sobre o amor e sobre a paz. São esses os verdadeiros motivos para celebrarmos o Natal?

Os comerciantes fazem promoções, as vitrines ficam repletas de bonecos vestidos de vermelho, as pessoas ficam desesperadas à procura de presentes para dar aos amigos e parentes, afinal, isso é Natal? Será o Natal uma celebração ao consumismo? E aquele velhinho risonho vestido de vermelho? É por sua causa que comemoramos o Natal?

Parece-me que a maioria da sociedade já se esqueceu ou na verdade ainda não conhece a razão de ser dessa festa tão linda.

Realmente fraternidade, amor e paz são mensagens contidas na mensagem central do Natal. Porém, sem o verdadeiro porquê dessa festa, tornam-se totalmente desprovidas de propósito.

Acho também que é saudável o hábito de se presentear pessoas queridas, mas, se não tivermos em mente o motivo da nossa alegria e qual a razão de querermos compartilhá-la com outros através desse gesto, o Natal será apenas mais um pretexto para agradarmos alguém.

E o Papai Noel? Bem, o Papai Noel é uma criação da mente humana inspirada em São Nicolau, bispo na Ásia Menor, que viveu no século IV d.C. Nicolau era um homem de aparência austera, mas sua reputação era a de um homem generoso e que fazia o bem. Foi essa característica da sua personalidade que deu origem ao costume de se distribuir presentes e brinquedos na época natalina.

As outras características do “Papai Noel” – gordura, espontaneidade, alegria, etc. - podem ser atribuídas à história criada pelo escritor norte-americano Washington Irving, ou à narrativa de Clement Moore chamada Visit from St. Nicholas, de 1822. A imagem do Papai Noel guiando um trenó na neve e pousando sobre os telhados foi criada pelo cartunista Thomas Nast, em 1863. Como se vê o Papai Noel é uma criação humana e não a razão de ser do Natal.

Diante de tudo isso, surge então a pergunta: o que comemorarmos no Natal? Bem, acredito que a comemoração do Natal possui três aspectos:

1) É a Comemoração de Um Nascimento:
Significado: A palavra natal vem do latim "natale" e como substantivo tem o significado de “dia do nascimento”. Assim sendo, a celebração ocorrida em 25 de dezembro conhecida como Natal é a celebração do dia do nascimento de alguém. E este alguém é muito especial! Ele é nada menos do que o Filho de Deus, o Cristo, o Messias, Jesus Cristo!

2) É a Comemoração da Encarnação de Deus:
Você entende por que o nascimento de Cristo é tão especial, a ponto de ser celebrado com tanto entusiasmo pelos cristãos? Seu nascimento foi especial porque nesse dia ocorreu a manifestação de Deus em Cristo por ocasião da encarnação!

“E o Verbo se fez carne, e habitou entre nós, cheio de graça e de verdade, e vimos a sua glória, glória como a do unigênito do Pai.” (João 1:14).

Ele é o próprio Deus que se fez homem!

“Ele é a imagem do Deus invisível...Tudo foi criado por meio dele e para ele. Ele é antes de todas as cousas. Nele, tudo subsiste” (Colossenses 1:15a,16b,17).
“Ele, que é o resplendor da glória e a expressão exata do seu Ser, sustentando todas as coisas pela palavra do seu poder” (Hebreus 1:3).

Jesus Cristo é maravilhoso! Mesmo sendo Deus desde a eternidade, associou-se à humanidade através da encarnação, para que desta forma fosse seu Salvador.

“Porquanto Deus enviou seu Filho ao mundo, não para que julgasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por ele.” (João 3:17).

Saiba que é através de Cristo que somos justificados perante Deus! É através Dele que “temos a redenção, a remissão dos pecados” (Colossenses 1:14) e livre acesso ao Pai!

“Justificados, pois, mediante a fé, temos paz com Deus, por meio do nosso Senhor Jesus Cristo; por intermédio de quem obtivemos igualmente acesso, pela fé, a esta graça na qual estamos firmes” (Romanos 5:1,2).

3) É a Comemoração do Cumprimento das Escrituras:

No dia do nascimento do Senhor Jesus Cristo, as profecias foram cumpridas:

“José, filho de Davi, não temas receber Maria, tua mulher, porque o que nela foi gerado é do Espírito Santo. Ela dará à luz um filho e lhe porás o nome de Jesus, porque ele salvará o povo dos pecados deles. Ora, tudo isso aconteceu, para que se cumprisse o que fora dito pelo Senhor por intermédio do profeta: Eis que a virgem conceberá e dará à luz um filho, e ele será chamado pelo nome de Emanuel (que quer dizer: Deus conosco)” (Mateus 1:20-23).
“Porque um menino nos nasceu, um filho se nos deu; o seu governo está sobre os seus ombros; e o seu nome será: Maravilhoso, Conselheiro, Deus Forte, Pai da Eternidade, Príncipe da Paz” (Isaías 9:6).
“E tu, Belém Efrata, pequena demais para figurar como grupo de milhares de Judá, de ti me sairá o que há de reinar em Israel, e cujas origens são desde os tempos antigos, desde os dias da eternidade.” (Miqueias 5:2).


Jesus veio ao mundo por amar a minha e a sua vida!

“Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu único Filho, para que todo aquele que nele crer não morra, mas tenha a vida eterna.” (João 3:16 - Bíblia na Linguagem de Hoje).

É por tudo isso que nós cristãos celebramos o Natal. É por tudo isso que você deve celebrar o Natal. No dia 25 de dezembro devemos nos lembrar da vinda do Salvador da humanidade, Jesus Cristo, o “Mediador entre Deus e os homens” (1 Tm 2:5).

Desejo que você possa ouvir o que o Espírito Santo de Deus deseja falar ao seu coração neste Natal através da sua Palavra:

“Não temais: eis que vos trago boa nova de grande alegria, que o será para todo o povo: é que hoje vos nasceu, na cidade de Davi, o Salvador, que é Cristo, o Senhor.” (Lucas 2:10,11)

A Jesus Cristo, Senhor e Deus, louvor e glória, agora e sempre! Amém.

Feliz Natal!

Pr. Nill.